Presença online: 5 maneiras eficazes de construir a sua!

presença online

Ter uma presença online envolve não apenas uma marca forte, mas também uma presença impactante e reconhecível.

Com o crescimento do digital, passar despercebido significa perder oportunidades valiosas de crescimento, receita e conexão com o público-alvo. 

Segundo uma pesquisa da Ironpaper, 93% das decisões de compra são influenciadas pelas mídias sociais.  

Neste post, contaremos as 5 melhores maneiras de construir sua presença online, para que assim, você desenvolva sua empresa no digital e construa uma marca forte, e claro, através disso, aumente seus resultados! Vamos lá? 

Por que é importante ter uma presença online?

Contar com uma presença online ajuda a seu negócio a ser mais visto e considerado como opção no momento das decisões. Se ele não está online, pode nem ser cogitado.

Enquanto você cogita se deve ou não arriscar na sua presença digital, é bom lembrar que seus concorrentes provavelmente já estão atuando nesse espaço e tendo ótimos resultados. 

Por isso, priorize uma abordagem focada em uma boa presença online. Você tem total liberdade para utilizar esses meios a seu favor e mostrar para seu público que seu negócio é o investimento certo para eles.

Por exemplo, é possível implementar estratégias focadas em conversão que envolvem impactar a audiência certa e direcioná-la por um caminho otimizado em seu site. 

Existem várias abordagens que você pode explorar, falaremos sobre cada uma delas a seguir:

1- Tenha um site 

Ter uma forte presença online começa por um site, esse é o espaço em que tudo sobre sua empresa vai estar reunido. 

É importante que você crie um site que seja fácil de navegar, seja rápido, tenha um design assertivo, e claro, que seja compatível com dispositivos móveis.

Outro detalhe importante, que nunca passa despercebido: tenha um site seguro. Alguns sites têm a segurança tão precária, que deixa muitas pessoas inseguras. 

Analise se seu site tem algum bug, ou qualquer outro problema que gere desconfiança. Confira os links, veja se seu site está fácil de navegar, com layout organizado e informações objetivas e diretas.

2 – Crie uma lista de e-mail 

Com o site pronto, você deve estar pronto para captar quem chega lá!

Criar uma lista de e-mails com potenciais clientes é fundamental para estabelecer um relacionamento eficaz entre público e marca, sendo uma estratégia essencial para atrair e manter clientes.

Sua função é simplificar a captação de leads, organizar e aprimorar a comunicação da marca com eles, facilitando sua jornada de compra. 

Essa ferramenta não apenas organiza contatos, mas também estreita o relacionamento com pessoas genuinamente interessadas nos produtos ou serviços oferecidos pelo seu negócio.

Seu site vai te ajudar na parte de montar o formulário ou alguma outra forma de capturar o e-mail (ou outro contato) do cliente. E pelo e-mail, você poderá se comunicar com mais proximidade.

3 – Desenvolva o branding da sua marca 

Temos certeza que você é fã de alguma marca, e independente de qual seja, temos uma certeza: ela investe em branding

As marcas mais notadas e com mais presença digital são as que investem em toda sua construção e percepção.

Branding é a gestão de marca de uma empresa, têm como objetivo tornar uma marca mais positiva na mente de seus clientes e do público. 

Ele envolve estratégias relacionadas ao propósito, valores, identidade e posicionamento de uma empresa, e como ela comunica isso para o mundo

Essas estratégias comunicam sobre o que um negócio acredita e como ele pode transformar a vida do consumidor. Se você quer que sua empresa seja marcante, então desenvolva o branding dela!

4 – Produza conteúdo de valor 

Você já tem tudo em mãos para começar uma das partes mais importantes de uma estratégia de marketing digital: a produção de conteúdo

Primeiro de tudo, defina em poucas palavras qual é o seu nicho. Você trabalha como coach? Como nutricionista? Tem um negócio local?

Com essa resposta em mãos, partimos para outra pergunta: qual a dor e as dificuldades dos seus clientes?

A produção de conteúdo é usar uma informação para educar, ensinar e gerar valor para o seu público, e assim, atrair mais consumidores para seu negócio.

Você oferece um material que vai ajudar a solucionar a dor do público, e assim, cria um vínculo. 

O usuário passa a enxergar sua empresa como um aliado que ajudou em uma questão em que tinha dificuldade, assim, você passa a ser um guia. 

Vale lembrar que nem todo mundo está na mesma etapa, isto é, uma pessoa pode cair de paraquedas no seu blog, sem saber que têm uma dor. 

O conteúdo para essa pessoa vai ser diferente do conteúdo que deve ser produzido para alguém que já reconhece que têm um problema e já está procurando por uma solução. Demandas diferentes, logo, conteúdos diferentes.

5 – Otimize seu site e blog 

Otimização de blog e site, significa utilizar técnicas de SEO para promover um melhor rankeamento das suas páginas no Google. 

Por meio dessa estratégia de marketing digital, é possível oferecer uma experiência positiva ao usuário quando ele estiver em alguma página, e também, conquistar as melhores posições nos buscadores.

A posição do seu site nas primeiras páginas do Google depende da qualidade do seu conteúdo e de como seu site performa.

A estratégia de SEO tem o objetivo de conseguir um melhor posicionamento de uma página nos resultados dos buscadores, conseguindo um lugar de destaque para chamar a atenção de mais pessoas e construir sua presença online. 

Portanto, a ideia é gerar um maior tráfego orgânico, que são as visitas que vêm naturalmente. Alguns fatores são essenciais para alcançar esse resultado, são eles:

  • Tamanho do conteúdo: Isso influencia se seu conteúdo vai rankear ou não. Um blog post de 1500 palavras é mais fácil de rankear do que um que tem apenas 500;
  • Título: se o título não tiver a palavra-chave central do blog post, dificilmente ele irá rankear;
  • URL: é o link do blog post, ele deve ser curto, uma URL longa e que não tenha as palavras certas, vai prejudicar no rankeamento;
  • Palavras-chave: é o core do seu conteúdo, por meio dela um usuário vai encontrar seu conteúdo;
  • Tempo de carregamento: seu site abre em poucos segundos ou demora minutos para abrir? Quanto mais demorar, menores são as chances do usuário ficar ali. E claro, o Google não vê isso como um bom sinal;
  • Link building: são os links internos e externos presentes em um blog post.

Esperamos que você tenha gostado! Ficou com alguma dúvida sobre como implementar sua presença online? Entre em contato conosco! Estamos aqui para ajudar a impulsionar sua estratégia de marketing digital.

Esse conteúdo valeu a pena para você?

Compartilhe no botão abaixo e nos ajude a atingir mais empresários como você:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Email

Categorias

Posts Mais Recentes

Posts Mais Vistos

Tags

Preencha o formulário a baixo: